ConsumidorEconomia

CRÉDITO. Vitor Hugo do Amaral Ferreira, o consumo massificado e o inevitável endividamento. E tem mais

“…Nas últimas décadas houve um notável crescimento do consumo em todo o mundo, oriundo do aumento populacional articulado com os meios de comunicação, alto desenvolvimento tecnológico, e indústrias da informação. Para tanto, entende-se por consumo o ato do indivíduo de adquirir ou contratar um bem, ou serviço para sua subsistência.

Ora, o consumo faz parte da natureza humana, e sendo estimulado pelo capitalismo e mercantilização, traz consigo o conforto, segurança, e também, qualidade de vida. Todavia, a globalização da produção capitalista e do mercado mundial vicejaram um aumento significativo do consumo no Brasil. Por meio dos desdobramentos científicos e tecnológicos da produção e circulação de mercadorias, verificou-se uma mudança no comportamento do consumidor, que fortemente motivado pela cultura do consumo e seduzido pela publicidade, democratização do crédito, e possibilidade de satisfação de suas necessidades (ou futilidades), acabou pendendo a um consumo imoderado. A partir desse momento, passa-se a falar do…”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do artigo “A massificação do acesso ao crédito”, de Vitor Hugo do Amaral Ferreira, colaborador semanal deste sítio e que traz parte do texto monografia da acadêmica Bruna Giacomini Lima. Amaral Ferreira é advogado formado em Direito pela Unifra, com especialização (na área de Violência Doméstica contra Criança e Adolescente)  na USP e  mestrado em Integração Latino-Americana, Amaral Ferreira é também, entre outras atividades, coordenador do Procon/Santa Maria.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo