EconomiaTurismo

INOVAÇÃO. Luciana Manica prega fim do gerundismo No turismo e nos “call centers”. Já seria bom começo

“…Portanto, afora usarem equivocadamente o verbo, na tentativa de reforçar uma ideia de continuidade de um verbo no futuro, acabam complicando o que já é suficientemente complicado, e o que antes podia ser dito de maneira mais econômica e direta, como “não estou nem aí para a sua reclamação” foi substituído por uma intrincada estrutura que prefere utilizar três verbos a apenas um ou dois, afora lhe fazer perder tempo e lhe irritar ao telefone.

Então, se houver inovação em call centers, que seja um NÃO ao gerundismo, por favor! Ok, mas até aí nem li a reportagem que me chamou a atenção, vamos ao que realmente se propõe de inovação no turismo e em call centers.…”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do artigo “Inovando no turismo e nos call centers”, de Luciana Manica Gössling. Ela é advogada, Mestre em Direito e especialista em Propriedade Intelectual. O texto foi postado há instantes, na seção “Artigos”!

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo