LUNETA ELETRÔNICA. Audiência do site, Assembleia e privatizações, rua Castro Alves, a energia mais cara

LUNETA ELETRÔNICA. Audiência do site, Assembleia e privatizações, rua Castro Alves, a energia mais cara

LUNETA ELETRÔNICA. Audiência do site, Assembleia e privatizações, rua Castro Alves, a energia mais cara - luneta-audiência* Num mês assim assim, com 30 dias e feriado, não há queixas. Foram mais de 20 mil (20.490, para ser preciso) leitores diferentes a acessar o www.claudemirpereira.com.br em junho.

* A informação (foto acima) e a aferição são do auditor da audiência do site, e também de vários outros portais graúdos de internet, o Google Analytics.

* E quais foram as notas que puxaram a audiência, no mês passado? Duas de política e, olha a novidade, uma crônica galvanizaram o interesse do leitor/internauta em junho.

* A nota mais lida, supercampeã, foi publicada na madrugada do dia 11, terça-feira:ELEIÇÕES. Confira 28 nomes. Muito dificilmente o Prefeito de Santa Maria em 2021 não será um deles (AQUI).

* A vice-campeã de junho estava disponível na madrugada do dia 14, sexta: “BASTIDORES. Tumulto, acusações, polícia… Confira tudo que rolou na aprovação de moção pró-Bolsonaro” (AQUI).

* A novidade veio no terceiro lugar. Não uma nota do dia-a-dia, mas crônica. No caso, a assinada por Pylla Kroth, publicada na manhã de 19 de junho, quarta-feira: “Ponto de Partida” (AQUI).

* O Palácio Piratini tem uma expectativa positiva em relação ao que pode acontecer nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa.

* Afinal, já trancam a pauta os projetos de lei que autorizam a privatização de três estatais gaúchas: as deficitárias CEEE e CRM e a pra lá de lucrativa SulGás.

* No entanto, a definição sobre o que será votado na sessão deliberativa marcada para a parte da tarde, há a necessidade de inclusão dos projetos na pauta.

* E essa decisão será tomada no final da manhã, durante a habitual reunião dos líderes das bancadas e a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

LUNETA ELETRÔNICA. Audiência do site, Assembleia e privatizações, rua Castro Alves, a energia mais cara - luneta-castro-alves* Na manhã desta segunda-feira, foi assinada (foto acima, de Deise Fachin/AIPM) a Ordem de Sreviço para a obra de recuperação da pavimentação da rua Castro Alves, na zona norte.

* A  via que será recuperada, a partir desta terça, ficará pronta em até 30 dias. A execução será da Cotrel Terraplanagem e Pavimentações Eirele, num investimento de  R$ 82.856,10.

* A empresa fará a fresagem e, posteriormente, o asfaltamento da Castro Alves, entre a Sete de Setembro e Silvio Romero, em uma extensão superior a 700 metros e que compreende seis quadras.

* O Plano de Recuperação de Pavimentação da Prefeitura de Santa Maria já revitalizou as avenidas Walter Jobim, Nossa Senhora das Dores, Rio Branco e João Luiz Pozzobon.

* Para sabe mais da solenidade desta segunda, além de saber outras informações acerca do Plano de Pavimentação, vale acessar  material produzido pela Assessoria de Imprensa da Prefeitura (AQUI).

* A conta de luz está mais cara em todo o País a partir desta segunda-feira, como informa reportagem produzida e distribuída pela Agência Brasil (AQUI).

* A razão para o acréscimo é o fato de a bandeira tarifária utilizada como referência nas contas deste mês ser a amarela, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

* Com a medida, as cobranças terão um acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 quilowatts-hora consumidos, conforme comunicado divulgado ainda na última sexta-feira.

* O adicional retorna às contas após a Annel ter definido bandeira verde em junho, situação em que não é cobrado acréscimo nas contas.

* No comunicado, a agência reguladora justificou a bandeira amarela pelo fato de julho ser um mês “típico da seca nas principais bacias hidrográficas do país”.



1 comentário

  1. Juarez

    Uma conta que não fecha…Se 82 mil dá para asfaltar com fresagem r tudo 700 m, que já é caro pra caramba, 50 milhões teriam que dar pra asfaltar 426 Km e não apenas 105 Km de 64 Ruas…Alguém me explica essa matemática?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *