Eleições 2012JudiciárioPartidosPolítica

ELEIÇÕES 2012. Ontem, o PSD; hoje, o PPL. Sim, estão surgindo dois novos partidos

Está prevista para hoje, segundo o SÍTIO da agremiação, além de uma homenagem ao ex-presidente Getúlio Vargas, a entrega oficial de pedido de registro do Partido Pátria Livre no Tribunal Superior Eleitoral. Inclusive, em Brasília, está Werner Rempel, ex-PT, fundador e principal liderança do PPL em Santa Maria. Por sinal, pediu para ter o dia descontado, na Câmara de Vereadores.

A partir daí, corre o prazo para a análise do pedido, que deve cumprir uma série de exigências, inclusive a assinatura de pelo menos 500 mil eleitores (em números redondos), distribuídos por um punhado de Estados do Brasil. Nada fácil para os adeptos do PPL.

Aparentemente, inclusive pela forma como foi estruturado e os nomes graúdos que o compõem, inclusive o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, ex-DEM, a empreitada é mais fácil para o Partido Social Democrático. O PSD se antecipou em um dia e ontem estava no TSE, fazendo o seu pedido – já nas mãos do ministro Ricardo Lewandowski, presidente do Tribunal.

A propósito do pleito do PSD e outros detalhes, acompanhe material publicado hoje, no jornal O Estado de São Paulo. A reportagem é de Mariângela Gallucci e Julia Duailibi. A seguir:

PSD pede registro e diz ter 538,2 mil assinaturas

…Advogados do partido a ser criado pelo prefeito Gilberto Kassab, o PSD, protocolaram ontem no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedido para registro definitivo da legenda. Para lançar candidatos nas eleições municipais de 2012, o PSD tem de conseguir o registro do TSE até outubro. A sigla também quer o direito de usar o número 55 para identificá-la.

No requerimento ao tribunal, os advogados afirmam que obtiveram 538,2 mil assinaturas em apoio à criação da legenda. Pela legislação eleitoral, são necessárias cerca de 490 mil assinaturas. O PSD não conseguiu cumprir um requisito. Uma resolução do TSE estabelece que o registro do partido deve ser aprovado por nove Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Por enquanto, apenas o TRE de Santa Catarina concluiu a análise do processo.

De acordo com os advogados, o pedido foi encaminhado a 22 tribunais, mas apenas o de Santa Catarina já teria resolvido. O PSD enumera alguns motivos que teriam levado ao atraso: “Com efeito, a alegação de falta de…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo